• Agência Ouriço

Branding Pessoal. Afinal, o que é isso?



Quando falamos em marca, logo nos vem na cabeça empresas que fornecem produtos ou prestam algum tipo de serviço, como a Coca-cola ou a Netflix. Mas você sabia que pessoas também podem ser consideradas uma marca?


Atletas, modelos, influenciadores digitais, artistas, ou qualquer outro profissional podem ser considerados marcas se levarmos em conta o que chamamos de branding pessoal.

O Neymar, por exemplo, é considerado uma. Sua carreira como jogador de futebol contribuiu para conquistar sua fama, mas não foi só isso. Para valorizar seu poder de imagem e continuar sendo convidado para representar marcas famosas é preciso de um bom gerenciamento de branding.


Claro, apesar de ser um bom exemplo, há outros fatores que contribuíram para o sucesso de Neymar. Mas, isso não quer dizer que você também não pode se beneficiar do branding pessoal. Quer saber como? Continua a leitura que eu te conto mais sobre isso!

  • “EU COMO MARCA”

Durante a construção do seu “eu como marca” o mais importante é ser verdadeiro, pois, dessa forma, você irá transmitir seu propósito com mais força e mais pessoas podem se sentir afetadas por ele. Para isso, é muito importante que você conheça a si mesmo, o que te leva a um processo de autodescobrimento e desenvolvimento pessoal. Entender qual impressão você quer causar no mundo é uma boa maneira de iniciar essa jornada.


A partir disso, fica mais fácil de entender quais caminhos você deve tomar para que sua imagem seja relacionada com o que você acredita. Basicamente, o branding pessoal é trabalhar para que ao ouvirem seu nome, logo ele seja associado a um estilo de vida, uma causa, uma área ou especialidade específica.

  • CREDIBILIDADE

Quando o branding é bem trabalhado você ganha mais destaque no mercado e, consequentemente, credibilidade. Afinal, se as pessoas são influenciadas pelo que você representa e querem saber sua opinião sobre determinado assunto, quer dizer que você possui algum diferencial. Você ganha a posição de referência em seu setor e pode até direcionar os rumos que outros profissionais irão buscar, ou seja, um bom exemplo a ser seguido.

  • RECONHECIMENTO

Além disso, o branding pessoal também pode agregar valor ao que você faz. O serviço que você presta, seus produtos e até mesmo sua presença, passam a ser reconhecidos de forma diferente, auxiliando no processo de conversão de clientes (marketing pessoal). Outro ponto, é que ao fazer as pessoas entenderem o quão valoroso é o seu trabalho, possibilita expandir seus negócios e pensar mais adiante no seu futuro como profissional.

Ficou interessado? Nós, da Ouriço, podemos te ajudar para que você comece a se destacar no mercado agora mesmo!


Quer saber como? Entre em contato com a gente pelo número (31) 3500-5427, ou venha nos fazer uma visita!

CONTATO

Rua Bernardo Guimarães, 245, 5º andar - Funcionários | BH/MG

 (31) 3500-5427

  • Branca Ícone Instagram

© 2020 feito por Ouriço